Revista Expressão Edição 156: FHO anuncia reposicionamento institucional para a sociedade e o meio ambiente

No início de abril, a FHO|Fundação Hermínio Ometto anunciou seu reposicionamento para a sociedade e o meio ambiente. Entre as ações propostas, estão o desenvolvimento de novas práticas para combate ao desperdício de resíduos e a utilização de recursos renováveis.

Também fazem parte das novas medidas, a ampliação de atividades voltadas para o desenvolvimento e bem-estar da comunidade, interna e externa, e a conscientização e envolvimento das pessoas na solução dos problemas sociais e ambientais.

Desde sua criação, em 1973, como instituição sem fins lucrativos, a FHO é comprometida com a realização de ações sociais e ambientais, com impacto em toda a comunidade, por meio da distribuição de milhares de bolsas de estudos e crédito estudantil próprio; dos atendimentos gratuitos realizados em seus clínicas e laboratórios, e de ações de educação ambiental. “Queremos intensificar o cuidados que temos com as pessoas e o meio ambiente. Entre as ações que pretendemos realizar, podemos citar o tratamento dos resíduos gerados, a substituição de processos por naturais e renováveis, a criação de programas de capacitação para o ensino da educação ambiental e o aumento dos nossos atendimentos à comunidade”, disse o reitor do Centro Universitário, Prof. José Antonio Mendes.

As primeiras ações tiveram início no primeiro semestre, com uma campanha para a redição do uso do plástico e a retirada de todo os canudinhos  e copos das Cantinas e Restaurante. Demais descartáveis também estão sendo substituídos, aos poucos, nos espaços internos, com o engajamento de toda a comunidade acadêmica, e uma parceria com produtos locais foi firmada para o fornecimento de frutas, tubérculos e hortaliças produzidas de forma natural, proporcionando um alimento ainda mais saudável e nutritivo para a comunidade interna e estimulando a economia local, com o apoio a agricultores familiares e empresas do município.

Além disso, a Instituição também irá inciar, ainda este ano, um projeto para instalação de tratamento de esgotos e implantará novos programas para atendimento à população.
Estas ações não são pontuais. Tratam-se de um reposicionamento institucional, com a adoção do conceito de gestão “tripé da sustentabilidade” – que propõe a igualdade de importância atribuída às questões financeiras, sociais e ambientais, dentro de uma organização. “Acreditamos no poder transformados da educação e em sua capacidade de mobilizar as pessoas em torno de um ideal comum. O efeito direto de todas as ações estará refletido no cumprimento de nossa Missão, transformando nosso alunos em profissionais competentes e em cidadão. Esperamos que, após absorverem o melhor daquilo que foi colhido em sua passagem pela Instituição, nossos alunos possam compartilhar e colocar em prática suas vivências e experiências, sempre em benefício das pessoas e a serviço da comunidade”, comentou Dr. Mendes.

Com o reposicionamento, a FHO passou a integrar este compromisso à sua Missão: “Promover a aprendizagem, a geração e a difusão do conhecimento, formando o profissional competente e o cidadão compromissado com a construção de um mundo social, ambiental e economicamente sustentável”.

Para saber mais adquira a edição 156 da Revista Expressão na Agência Feres ou entre em contato conosco!
(19) 3544-8779 / (19) 99299-2057

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.