Pós-graduação em inovação do Crea-SP está com inscrições abertas

Diante do sucesso da primeira edição do curso “Empreendedorismo e Inovação Tecnológica nas Engenharias”, o Conselho Regional de Engenharia e Agronomia do Estado de São Paulo (Crea-SP), em parceria com a Universidade Virtual do Estado de São Paulo (Univesp) e a Universidade Estadual Paulista “Júlio de Mesquita Filho” (Unesp), abriu 4 mil novas vagas para a segunda turma da pós-graduação. As inscrições podem ser realizadas de 13 a 23 de setembro, pelo endereço: https://www.feis.unesp.br/#!/ceeite

Iniciada em 2020, a pós-graduação lato sensu foi classificada pelos participantes como inovativa e indutora de ações empreendedoras. Em 2021, formaram-se mais de 1.000 profissionais do Sistema Confea/Crea, os quais apresentaram 217 Trabalhos de Conclusão de Curso (TCCs), no formato de empresas de bases tecnológicas “startups”, parte das quais estão sendo apresentadas na sala especial do Crea-SP no Congresso Brasileiro de Educação em Engenharia (COBENGE) 2021.

O presidente do Crea-SP, Eng. Vinicius Marchese, destaca a relevância dessa oferta: “O curso capacita os profissionais para o mercado de trabalho atual, que exige pessoas cada vez mais especializadas, empreendedoras e em sintonia com os avanços tecnológicos. A pós-graduação cumpre este papel e contribui para formar engenheiros cada vez mais qualificados”.

Na mesma linha, o diretor de valorização profissional do Conselho, Geol. Sebastião Gomes de Carvalho, ressalta que os conteúdos do curso foram trazidos por consultores da indústria 4.0 e compartilhados com as Universidades parceiras, que, por sua vez, repassarão aos alunos e profissionais do Sistema.

O presidente da Univesp, professor Rodolfo Jardim de Azevedo, que também é engenheiro, destaca o caráter multidisciplinar do curso: “Os alunos terão a oportunidade de integração entre as múltiplas especialidades da engenharia, além de adquirir conhecimento em novas tecnologias. Com essa especialização, eles poderão qualificar, empreender, e dessa forma, contribuir para a implementação de soluções em diversas áreas”, completa.

Já o reitor da Unesp, professor Pasqual Barreti, destaca que a universidade tem imenso orgulho de oferecer, em parceria com o Crea-SP e a Univesp, a segunda edição do curso, visando o aprofundamento da qualificação profissional para atender a demanda do mercado de trabalho. “Parabenizo o esforço de todos os colaboradores que contribuíram para o aprimoramento do curso nesta nova edição e com a certeza de que será um sucesso da educação continuada não só para os profissionais de engenharia, mas também para as demais áreas do conhecimento que são imprescindíveis para dar respostas às demandas do mundo moderno com rápidas mudanças globais”, afirma.

As aulas acontecerão em Ambiente Virtual de Aprendizagem (AVA), e complementadas por lives proporcionadas por especialistas e professores para enriquecer o conteúdo e esclarecer eventuais dúvidas. Os módulos abordam temas como metodologia científica; gestão de projetos, equipes e metas na era da transformação digital; tecnologias, com um mergulho nas novas tendências, com parceria do Laboratório Global de Pesquisas da IBM; inovação tecnológica; empreendedorismo; e projeto integrador.

O resultado do processo seletivo será divulgado no dia 30 de setembro e as aulas têm início em 11 de outubro.

]A pós-graduação é parte do programa Crea Capacita, idealizado pelo Conselho para proporcionar cursos de qualidade com valores acessíveis, contribuindo para a capacitação dos profissionais registrados.

Mais informações: https://www.feis.unesp.br/#!/ceeite

Sobre o Crea-SP – Instalada há 87 anos, a autarquia federal é responsável pela fiscalização, controle, orientação e aprimoramento do exercício e das atividades profissionais nas áreas da Engenharia, Agronomia e Geociências. O Crea-SP está presente nos 645 municípios do Estado, conta com cerca de 350 mil profissionais registrados e 75 mil empresas registradas.
, ,

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.