No Dia Nacional do Hambúrguer (28/05) Sebrae SP dá dicas sobre como montar uma hamburgueria de sucesso

28 de maio é comemorado o Dia Nacional do Hambúrguer, uma das opções mais populares e consumidas no mundo. Segundo o Sebrae-SP, esta tem sido também uma ótima opção de investimento, uma forma que as pessoas encontraram para driblar a pandemia e construir uma nova fonte de renda, já que os serviços de delivery continuam funcionando mesmo nas fases mais restritivas.

Aproveitando a data, o serviço disponibilizou em seu site um guia com orientações fundamentais para quem pensa em empreender neste ramo. Confira:
bit.ly/abrir-hamburgueria

Além do guia detalhado, algumas dicas são também muito importantes:

1. Aposte em um cardápio enxuto

Essa é simplesmente a chave para manter o processo simples, rápido e atrativo. Boa parte dos consumidores que fizeram das hamburguerias sua nova opção migrou do sistema de fast-food e está acostumada com o serviço mais rápido. Procure deixar o cardápio com, no máximo, uma página.

2. Que tal adicionar um toque especial ao seu serviço?

Hamburguerias e cervejas artesanais vêm construindo uma relação forte. O público em geral aprovou essa dupla, que tem se destacado como um composto de venda incrível. A bebida atrai os consumidores um pouco mais velhos, que costumam estar atentos ao que consomem. Portanto, um toque de personalização dos ingredientes e acompanhamentos também é muito bem-vindo.

Para não deixar ninguém de fora:

Algumas empresas já oferecem hambúrguer com base vegetal que se assemelham em aparência e sabor ao tradicional. Elas são as americanas Impossible Foods e a Beyond Meat. Se a sua empresa quer alcançar todos os tipos de público, vale a pena investir em opções de hambúrguer de grão-de-bico, lentilha, feijão, soja e tofu ou até mesmo as opções com cogumelo.

3. Opte por produções conscientes e com qualidade

Hoje, existe uma preocupação disseminada nas hamburguerias de apresentar ao cliente a origem dos alimentos. As pessoas querem conhecer o que se come e evitar a ingestão dos ultraprocessados. O movimento de consumidores pela qualidade dos ingredientes e o cuidado com a produção consciente dos itens que compõem o sanduíche deu ao hambúrguer um novo status e ganhou força pelo mundo inteiro.

4. Fique ligado na tendência do atendimento informal

O próprio cliente faz o pedido em máquinas de autoatendimento, retira o pedido no balcão, se serve de refrigerante ou cerveja nas máquinas, entre outras praticidades. Essa é uma maneira de se conectar à transformação digital e enxugar os custos sem perder os clientes. Mas isso não significa menos conforto. Inclusive, as hamburguerias vêm ganhando status de restaurante. O pessoal quer comer no próprio local. Por isso, é importante que o cliente se sinta em casa.

5. Fique atento às inovações

Acompanhe as inovações ao redor do mundo para inspirar sua hamburgueria. Trabalhar com misturas de carnes e opções de tamanho é uma ótima alternativa para incluir no cardápio. Algumas ideias estão sendo apresentadas. Uma delas é o mix de carne com cogumelo. Isso torna o hambúrguer mais leve e saudável. Há também versões diferenciadas, como abóbora frita em vez de batata. O resgate de bebidas artesanais ou compradas de pequenos produtores e até a carne maturada a seco são algumas tendências do momento.

Mais informações disponíveis em: https://www.sebrae.com.br/sites/PortalSebrae/sebraeaz/5-dicas-para-uma-hamburgueria-de-sucesso

Fonte: Sebrae SP
Imagem: Divulgação

, , , ,

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.