Maio Amarelo: mais segurança e menos acidentes nas estradas

A Secretaria Estadual de Logística e Transportes, a ARTESP – Agência de Transporte do Estado de São Paulo, o DER – Departamento de Estradas de Rodagem e as 20 concessionárias que integram o Programa de Concessões Rodoviárias do Estado de São Paulo lançam ações de conscientização no trânsito como parte do Maio Amarelo. A campanha busca chamar a atenção da sociedade para o alto índice de mortes e feridos no trânsito, além de estimular a adoção de atitudes que contribuam para torná-lo mais seguro.

Nos últimos cinco anos, o Estado de São Paulo registrou queda de 8,76% nos óbitos em acidentes de trânsito nas rodovias, segundo dados do Infosiga – sistema do Governo do Estado gerenciado pelo Programa Respeito à Vida. O número contempla estradas administradas pelo DER e também as rodovias que integram o Programa de Concessões Rodoviárias, regulado pela ARTESP.

Neste ano, o mote da campanha será “Respeito e Responsabilidade. Pratique no Trânsito”, iniciativa do Observatório Nacional de Segurança Viária (ONSV) que promove ações de conscientização de motoristas e pedestres por um trânsito mais seguro. “A campanha deste ano é providencial. Menos acidentes no trânsito melhora o atendimento às emergências nos hospitais. A direção consciente salva vidas”, afirma o secretário estadual de Logística e Transportes, João Octaviano Machado Neto.

A ARTESP e o DER terão novidades em sua programação para o mês da segurança viária: peças de comunicação com o tema da campanha serão exibidas nas cancelas de pedágio em todas as rodovias concedidas do Estado de São Paulo. A frase tema do Maio Amarelo também será veiculada nos painéis eletrônicos (PMVs) ao longo dos 11,2 mil quilômetros de malha rodoviária concedida sob fiscalização da ARTESP, sempre acompanhadas de dicas de segurança viária produzidas pelas concessionárias.

A publicação de mensagens educativas, com orientações a condutores e pedestres, será intensificada também nas redes sociais do DER e da ARTESP e das 20 concessionárias. Outra iniciativa será a iluminação dos edifícios com luzes na cor amarela em celebração ao mês da segurança no trânsito. A sede do DER, na Avenida dos Estados, foi iluminada com luzes amarelas, em prol da campanha.

“As ações programadas para o movimento Maio Amarelo reforçam a importância de um comportamento consciente nas rodovias, seja conduzindo um veículo ou como pedestre”, afirma Milton Persoli, diretor geral da ARTESP.  “Acreditamos que campanhas educativas são ferramentas mobilizadoras que contribuem diretamente na redução dos índices de acidentes e fatalidades, por isso, cada informação e assistência prestada, envolvendo todos os atores neste processo, é importante.”

Em razão das medidas restritivas impostas pela pandemia do novo coronavírus (COVID-19), as ações digitais serão responsáveis por grande parte das ações desta edição do Maio Amarelo. No entanto, haverá também algumas ações presenciais realizadas pelas concessionárias, sempre observando o cumprimento de todos os protocolos sanitários. São atividades educativas para os mais diversos públicos nas rodovias, como café da manhã nas passarelas para incentivar a travessia segura de pedestres, ações com foco em saúde voltadas para caminhoneiros, orientações de segurança para motociclistas, distribuição de coletes refletivos para ciclistas e pedestres, entre outras.

 

Fonte: Secretaria Estadual de Logística e Transportes de São Paulo

Imagem: Divulgação

, ,

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.