HU-UFSCar oferta mais de 5 mil consultas em três meses em diferentes ambulatórios

Hospital conta com 63 especialidades e subespecialidades entre ambulatórios médicos e multiprofissionais.

Atualmente, o Hospital Universitário da Universidade Federal de São Carlos (HU-UFSCar/Ebserh/MEC) conta com ambulatórios em 63 diferentes especialidades e subespecialidades para atendimento a pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS). Há ambulatórios médicos e os multiprofissionais, que permitem um cuidado integral e favorecem um tratamento multidisciplinar e de qualidade aos usuários. Nos últimos três meses, foram ofertadas 5.582 consultas no total de ambulatórios.
Christiane Barbosa, Chefe da Divisão de Enfermagem e responsável pelos ambulatórios do HU, aponta a importância desses espaços para os atendimentos em saúde da cidade: “os ambulatórios do HU-UFSCar têm se tornado um importante cenário assistencial para o município de São Carlos. Muitas das especialidades e subespecialidades oferecidas aqui não têm similaridade em nenhum outro serviço da região. Podemos dar um destaque especial para os ambulatórios ‘não-médicos’, conduzidos por profissionais da equipe multiprofissional: psicólogo, educador físico, fonoaudiólogo, assistente social, nutricionista e enfermeiro”, afirma.

Ambulatórios multiprofissionais
Além de ambulatórios médicos, os ambulatórios multiprofissionais garantem atendimento e acompanhamento de pacientes que foram atendidos no HU ou que são encaminhados por outros serviços da rede pública de saúde de São Carlos. As especialidades e subespecialidades ofertas são: Psicologia, que acompanha os pacientes dos ambulatórios médicos de Cardiologia, Endocrinologia, Sexualidade, Ginecologia Endócrina, Pré-natal especializado, além de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade. Há também o ambulatório de Nutrição, que promove acompanhamento nutricional a pacientes encaminhados de outros ambulatórios do HU e da rede básica de saúde.
O ambulatório de Educação Física acompanha os pacientes de alguns ambulatórios médicos do HU (Cardiologia, Endocrinologia, Ginecologia Endócrina, Endócrino-pediatria). Na área de Enfermagem, há ambulatório que aborda a educação em saúde voltada a pacientes da Endócrino-pediatria; de curativos e laserterapia que atende pacientes internos e externos do HU, acompanhados pelas áreas de Dermatologia e Cirurgia vascular; e o ambulatório de Patologia do trato genital inferior (PGTI), que atende pacientes acompanhados pelos ambulatórios de Ginecologia.
Oferecem consultas também o ambulatório de Fonoaudiologia e o de Assistência Social, que acompanha pacientes da Saúde Mental, após alta, e dos ambulatórios de crianças e adolescentes em situação de vulnerabilidade.
Neste início do mês de agosto, novos ambulatórios estão iniciando suas atividades: o de reabilitação neurológica e o de pós-alta em Psiquiatria, além do ambulatório médico de Oftalmologia. Haverá também ampliação do ambulatório de Nutrição.
De acordo com Christiane Barbosa, esses ambulatórios promovem a saúde e trazem conforto e segurança aos pacientes e seus familiares. “À medida que eles são avaliados e orientados pelos profissionais, possuem maior chance de conduzirem melhor os tratamentos e adaptarem-se às novas rotinas diárias em busca de qualidade de vida e saúde”, reflete.

Formação profissional
Os ambulatórios multiprofissionais também são um cenário de estágio importante para os alunos dos cursos da Saúde da UFSCar. “Esses espaços promovem discussões de casos mais ricas, com a participação e o ‘olhar’ de profissionais com formações diferentes, qualificando o cuidado e tornando o aprendizado mais efetivo”, avalia Barbosa. Além disso, ela conclui que a visão multiprofissional do cuidado proporciona diferentes ações que resultam em benefícios clínicos e humanísticos aos pacientes e familiares, bem como em um aprendizado completo para o estudante.

 

Fonte: UFSCar

, , ,

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.