Clube do Livro: “1984” será o debate de fevereiro

O aclamado livro “1984”, do escritor inglês George Orwell, será o debate deste mês de fevereiro do Clube do Livro, que conta com o apoio da Secretaria Municipal de Cultura.

A obra será discutida no próximo dia 27, às 16h, pela plataforma digital Google Meet, preenchendo o seguinte formulário: https://docs.google.com/forms/d/e/1FAIpQLScZOr1GCWBsI45IY6GPEexggM2LMxvDsqxMluhq6ntaLyw8lQ/viewform.

“O livro “1984″ foi mais votado na enquete promovida em janeiro. Publicado em 1949, pela editora londrina Secker and Warburg, a distopia recebeu 39 votos. Lembramos, que a nossa biblioteca conta com exemplares da obra para os interessados em participar, basta apresentar a carteira de leitor e levar o livro para casa. Na biblioteca, também contamos também com outros títulos do autor inglês, entre elas, “Revolução dos Bichos” e “Dias na Birmânia””, comentou Gustavo Grandini Bastos, bibliotecário municipal.

Resumo da obra

Com dezenas de milhões de cópias vendidas em todo o mundo, o romance de Orwell tem como herói o angustiado Winston Smith, refém de um mundo feito de opressão absoluta. Em Oceânia, ter uma mente livre é considerado crime gravíssimo. Numa trama em que os “fatos alternativos” estão por toda parte e a mentira foi institucionalizada, Winston se rebela contra a sociedade totalitária na qual vive; em seu anseio por verdade e liberdade, ele arrisca a vida ao se envolver amorosamente com uma colega de trabalho, Júlia, e com uma organização revolucionária secreta. Normalmente lido como uma distopia, “1984” é também uma sátira, uma profecia, um grito de alerta, um thriller de espionagem, uma extraordinária ficção científica, um terror psicológico, um romance pós-moderno e uma história de amor.

O que mais teremos no Clube em 2021?

Ao longo de 2021, mais 10 livros serão debatidos no Clube do Livro, são eles: “Quincas Borba”, de Machado de Assis, “O Morro dos Ventos Uivantes”, de Emily Brontë, “O Mundo Assombrado pelos Demônios”, de Carl Sagan, “Ciranda de Pedra”, de Lygia Fagundes Telles, “Piquenique na Estrada”, de Arkady Strugatsky e Boris Strugatsky, “Triste fim de Policarpo Quaresma”, de Lima Barreto, “Sobre o Autoritarismo Brasileiro”, de Lilia Schwarcz, “Memórias do Subsolo”, de Fiódor Dostoiévski, “Torto Arado”, de Itamar Vieira Junior, e “2001: Uma Odisseia no Espaço”, de Arthur C. Clarke.

“Chama à atenção a pluralidade de estilos: romances, ficção-científica, não-ficção, obras consagradas e outras recém publicadas. Essa variedade enriquece os debates e assegura a possibilidade de promoção de diferentes leituras ao longo do ano. Essa escolha coletiva das leituras a serem realizadas assegura a participação de mais pessoas”, acrescentou Bastos.

Ainda segundo o bibliotecário, a interação dos ararenses foi além das expectativas. “Na votação, 46 opções estavam disponíveis para serem escolhidas. Essas indicações foram resultado de uma consulta aberta e on-line. A enquete permitia a escolha de mais de um livro por votante. O resultado foram 112 interações, número que chamou a atenção. Com base na enquete, chegamos à leitura de fevereiro e na elaboração do calendário de leituras do ano de 2021, considerando os títulos mais votados pelos participantes. Dessa votação, também já foram indicados os dois livros que serão lidos nos dois primeiros meses de 2022”, completou o bibliotecário.

Criado em agosto de 2019, Clube do Livro de Araras é uma iniciativa independente dos ararenses Danton Favoretto e Isabella Spatti. As reuniões na Biblioteca Municipal começaram no mês de dezembro do mesmo ano.

Outras informações sobre o Clube do Livro podem ser obtidas pelo telefone 3551-1534 (Biblioteca).

Clube do Livro – Calendário de Leituras

2021:

Fevereiro: “1984” – George Orwell

Março: “Quincas Borba” – Machado de Assis

Abril: “O Morro dos Ventos Uivantes” – Emily Brontë

Maio: “O Mundo Assombrado pelos Demônios” – Carl Sagan

Junho: “Ciranda de Pedra” – Lygia Fagundes Telles

Julho: “Piquenique na Estrada” – Arkady Strugatsky e Boris Strugatsky

Agosto: “Triste fim de Policarpo Quaresma” – Lima Barreto

Setembro: “Sobre o Autoritarismo Brasileiro” – Lilia Schwarcz

Outubro: “Memórias do Subsolo” – Fiódor Dostoiévski

Novembro: “Torto Arado” – Itamar Vieira Junior

Dezembro: “2001: Uma Odisseia no Espaço” – Arthur C. Clarke

2022:

Janeiro: “Admirável Mundo Novo” – Aldous Huxley

Fevereiro: “O Nome da Rosa” – Umberto Eco

 

Fonte: Secom/Prefeitura de Araras

Imagem: Secom/Prefeitura de Araras

, , , , ,

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.