Amigurumi – Artesanato que transmite amor

Os amigurumi, cujo significado vem da junção de duas palavras: ami (tricô ou malha) e nuigurumi (bichos de pelúcia), ou seja, bichos de pelúcia de tricô vêm conquistando muita gente. Fenômeno dos anos 80 que começou no Japão, foi se espalhando pelo mundo e até estudos foram feitos sobre ele devido aos seus benefícios. Em Araras, a artesã Célia Maria Storolli, que tem experiência por fazer crochê desde criança, descobriu o amigurumi há pouco tempo, mas não para de receber encomendas. Excelente para os recém-nascidos, especialmente os bebês prematuros, os polvos feitos com material apropriado como algodão 100%, esterilizado, enchimento siliconado, nada de botões ou outros materiais que possam se desprender e confeccionados em ponto baixíssimo de crochê. Ao serem colocados junto aos bebês, os polvos dão a sensação de que eles estão segurando o cordão umbilical da mãe contribuindo para um restabelecimento mais rápido e passando segurança e tranquilidade aos pequenos. Célia, além dos polvinhos, criou outros bichinhos maiores para serem presenteados e enfeitarem os quartos das crianças. Para saber mais ou fazer encomendas o telefone é (19) 3541-6739 ou pelo https://www.facebook.com/celiamaria.dasilvastorollo.7

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.